Após primeiras medidas de redução de gastos, a previsão inicial é economizar R$ 620 mil dos cofres públicos

01 de junho de 2020Texto: Comunicação PMBPrefeitura de Bituruna

A Administração Municipal está tomando medidas para reduzir os gastos e honrar com seus compromissos financeiros em 2020. Para equilibrar as contas, a primeira medida foi o veto ao reajuste salarial dos agentes políticos (prefeito, vice-prefeito, secretários municipais e servidores comissionados). Com isso, serão cerca de R$ 200 mil economizados até o final do ano. Além disso, houve a suspensão parcial de contratos com empresas terceirizadas e ficou vetado o reajuste de contratos em vigência.

Outra ação foi a suspensão dos contratos dos estagiários das escolas municipais, cmeis (Centro Municipal de Educação Infantil) e Cacas (Centro de Atendimento da Criança e do Adolescente), devido a paralisação das aulas presenciais por conta da pandemia do Coronavírus (COVID-19). Nesta semana foram anunciadas novas medidas. Será feita a suspensão de horas extras de atividades não essenciais e redução de adicionais, gratificações e no salário dos servidores comissionados. A medida valerá por 60 dias, economizando cerca de R$ 200 mil, podendo ser prorrogada por mais 30 dias, chegando à R$ 300 mil de economia.

Entenda sobre a queda na arrecadação: http://www.bituruna.pr.gov.br/noticias/exibe/4789/bituruna-j-contabiliza-queda-de-r$-2-milhes-na-arrecadao-em-2020

 


 
Compartilhe:

Prefeitura Municipal de Bituruna 2020. Todos os Direitos Reservados.