Alunos da rede municipal participam de palestra sobre a Guerra do Contestado

26 de agosto de 2015Texto: Assessoria de ImprensaSecretaria de Educação e Cultura

Os alunos do 5º ano da rede municipal participaram nesta quinta-feira, 26, de uma palestra sobre a Guerra do Contestado, proferida pelo secretário de educação e professor de História Gerson Luis Lanzarini. O evento foi realizado no Anfiteatro Romilde Vanzin (Escola Municipal Paulo Roberto Geyer) e participaram pelos menos 300 alunos (manhã e tarde).

De acordo com o professor, por ser um assunto da História Regional, a Guerra do Contestado contribui bastante para desenvolver nos alunos a capacidade crítica e reflexiva. “A história é feita por homens, mulheres, crianças, ricos e pobres; por governantes e governados, por dominantes e dominados, pela guerra e pela paz, por intelectuais e principalmente pelas pessoas comuns, como é caso da Guerra do Contestado, onde o derramamento de sangue de inocentes manchou, por exemplo, os trilhos da ferrovia norte-sul, hoje praticamente abandonada”.

A Guerra do Contestado foi um conflito armado que ocorreu na região Sul do Brasil, entre outubro de 1912 e agosto de 1916. O conflito envolveu cerca de 20 mil camponeses que enfrentaram forças militares dos poderes federal e estadual. Ganhou o nome de Guerra do Contestado, pois os conflitos ocorrem numa área de disputa territorial entre os estados do Paraná e Santa Catarina.

A Guerra do Contestado mostra a forma com que os políticos e os governos tratavam as questões sociais no início da República. Os interesses financeiros de grandes empresas e proprietários rurais ficavam sempre acima das necessidades da população mais pobre. Não havia espaço para a tentativa de solucionar os conflitos com negociação. Quando havia organização daqueles que eram injustiçados, as forças oficiais, com apoio dos coronéis, combatiam os movimentos com repressão e força militar.


 
Compartilhe:

Prefeitura Municipal de Bituruna 2018. Todos os Direitos Reservados.