Mais 40 famílias de Bituruna recebem a chave da casa própria

14 de novembro de 2014Texto: CohaparSecretaria de Administração, Finanças e Planejamento

A Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) concluiu nesta sexta-feira (14) mais um projeto habitacional em Bituruna, na região Sul do Paraná. Tratam-se de 40 novas moradias populares, que tornaram-se a concretização do sonho da casa própria para famílias do município. O projeto recebeu investimentos de R$ 1,3 milhão do programa Minha Casa Minha Vida e foi realizado em parceria com a Caixa Econômica Federal e a prefeitura municipal.

 “Depois de muito tempo sem investimentos, a habitação popular voltou a receber a atenção necessária no Paraná. O governador Beto Richa tem dado todo o suporte necessário aos municípios em todo o Estado e em especial para a população da região sul, que há anos aguardava pela construção destas casas”, declarou o gerente regional da Cohapar de União da Vitória, Júlio Adilson Pires.

 As famílias beneficiadas pagarão parcelas a partir de R$ 150 ao mês para casas de 35, 40, 47 e 48 m², esta última adaptada para pessoas com deficiência. Desde 2011, os projetos habitacionais já atenderam 196 famílias com a construção de casas urbanas e rurais. Há ainda projetos em andamento para a contratação de mais 29 unidades na cidade e 57 moradias no campo. Somados os projetos, obras e imóveis entregues, são quase R$ 9 milhões em recursos federais, estaduais e municipais sendo investidos na habitação de interesse social.

 Para o prefeito de Bituruna, José Constantino de Lara, a parceria entre os entes públicos dos três níveis é fundamental para a efetivação de políticas públicas voltadas a construção de moradias populares. “Quem mais ganha com essa união de esforços são as famílias, que estavam pagando aluguel ou vivendo em situação precária e agora poderão recomeçar a vida em casas de qualidade e bem localizadas”, disse.  

  

Famílias comemoram a liberdade

 Desdde que se casou, Márcio da Silva vive com sua esposa Raquel e o filho Vitor em uma pequena casa de madeira cedida pelo pai, no mesmo terreno dos parentes. “A nossa autoestima já melhorou muito. Com certeza nós vamos fazer uma festa com os amigos e parentes pra inaugurar o nosso novo lar”, contou. 
 

 Para a família de Maria Madalena dos Santos, o imóvel significará mais segurança física e financeira. “Um pedaço da parede de onde nós morávamos já caiu, sem falar que não é nosso. Acho que a partir de agora a vida vai ser bem diferente, especialmente para os nossos dois filhos, afinal essa casa é a garantia de um futuro melhor pra eles”, revelou emocionada.

 


 
Compartilhe:

Prefeitura Municipal de Bituruna 2018. Todos os Direitos Reservados.